Policial

Urgente: Polícia Militar prende bandidos após execução de suposto policial em Cerejeiras

Bandidos trocaram tiros com a PM, contudo, acabaram presos

A Polícia Militar agiu rápido e após os acusados executarem friamente  Luciano RIbeiro Dantas, que estava dentro do supermercado Paulista, no Centro de Cerejeiras, acabaram presos após intensa troca de tiros.

Na ocasião, os acusados estavam armados e invadiram o supermercado onde executaram com mais de 15 disparos, o suposto policial investigador e em seguida evadiram-se em um Fiat Línea de cor preto.

Guarnições da Polícia Militar perseguiram o carro e houve intensa troca de tiros há 20 quilômetros de Cerejeiras, já no distrito de  Novo Colorado, onde os bandidos acabaram dando de frente com guarnições da GEFRON (Grupo de Fronteira Policial Militar) e com isso, abandoram o carro em uma estrada vicinal e embrenharam-se na mata.

Um grande aparato policial foi mobilizado e em questão de uma hora, lograram êxito na prisão dos homicidas. Eles que apesar de machucados devido a fuga na mata e a troca de tiros, estão vivos e passam bem. Um helicóptero da Polícia Militar teria ajudado nas buscas.

Os dois acusados devem ser apresentados na Delegacia de Polícia Civil de Cerejeiras e indiciados por homicídio qualificado.

No automóvel usado pelos criminosos, a polícia encontrou armas, pentes, munições e duas granadas. Armamentos pesados e uma mala com mais armas, em um verdadeiro arcenal.

Maiores informações em instantes.

Caso no link: Suposto policial é “metralhado” dentro de supermercado em Cerejeiras

 

Fonte: Carlos Mont Serrate / Claudemir Sabino

Rota Policial News

 

Facebook Comentários

Artigos Relacionados

Fechar