Policial

Urgente: jovem é morto a tiros em frente ao Tiro de Guerra

Jovem foi perseguido e morto por seu algoz

O homicídio aconteceu na noite deste domingo, 30 de Setembro, na avenida Vitória Régia (1705), em frente ao Tiro de Guerra, em Vilhena.

Um jovem identificado preliminarmente como Júnior Novack, de 19 anos, caminhava pela avenida Curitiba quando no semáforo da referida avenida com a avenida Vitória Régia começou a ser perseguido por um homem a bordo de uma motocicleta e passou a correr.

Novack correu até o bar da Loira, onde tentou esconder-se no local, mas seu algoz, o qual já estava a pé e usando capacete, o perseguiu. Ele tentou atravessar a avenida para chegar em frente ao Tiro de Guerra, mas acabou baleado e ao cair, recebeu outros disparos, os quais acabaram ceifando sua vida.

Após o crime, o homicida empreendeu fuga, tomando rumo ignorado. Populares acionaram à Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros. Os bombeiros constataram o óbito da vítima e os militares acionaram a Polícia Técnico-Científica (Politec) que realizou perícia no local e liberou o corpo a uma funeráira de plantão.

Júnior mora com os avós em Vilhena e não é conhecido dos militares, portanto, em tese, não possui passagens pela polícia. Boatos dão conta de que o crime teria sido motivado por uma mulher casada, da qual ele teria mandado mensagens e que o marido da mesma descobriu os fatos e decidiu por executá-lo.

Investigadores do Departamendo de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil investigam o crime no intuito de identificar o autor dos disparos.

Fonte e fotos: Claudemir Sabino/Carlos Mont Serrate

Rota Policial News

Facebook Comentários

Artigos Relacionados

Close