Policial

Outra escola pública é invadida e ladrões furtam 80 kg de carnes e equipamentos

Furto foi constatado quando diretor chegou para trabalhar

Pela segunda vez em menos de uma semana, mais uma escola pública de Vilhena é vítima de furto. Assim como aconteceu anteriormente, novamente os autores do crime levaram aparelhos eletrônicos e também alimentos que seriam usados para a merenda dos alunos. O alvo dos ladrões, desta vez, foi a Ivete Brustolin, na avenida Paraná.

A diretora da instituição de ensino, que acionou a Polícia Militar, chegou para trabalhar por volta das 7 horas da terça-feira, 31, quando se deparou com uma janela de blindex quebrada e percebeu que dois computadores haviam sido levados.

Ao ir vistoriar outras partes da escola, a educadora percebeu que os suspeitos entraram pela quadra e arrancaram todos os sensores de alarme e monitoramento.

Além dos computadores, os agentes levaram também um aparelho de som, um multiprocessador com liquidificador, um roteador de internet, chaves e cadeados.

Além dos eletrônicos, os autores do furto fizeram igual foi feito com a escola Wilson Camargo e levaram com eles mantimentos da cozinha.

A diretora notou a falta de um saco de batatas de 50 kg, 30 kg de polpa de frutas, mais de 50 kg de sobrecoxa de frango que estavam em três caixas e 30 kg de carne moída.

De acordo com a responsável pela escola, a empresa de segurança que cuida do monitoramento do local disse que o alarme disparou duas vezes, entre 1 e 2 horas da manhã. Mas, até então não há pistas sobre quem teria cometido o crime.

Fonte: Folha do Sul

Facebook Comentários

Google

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor nos ajude a manter o site no ar e desative seu Adblock. Agradecemos pela compreensão! :)