Policial

Pelado e usando sacola como cueca, o homicida Bin Laden é preso pela PM em Vilhena

Homicida informou ter ficado escondido na mata durante o dia e ter se desfeito das roupas

Nesta sexta-feira, 07 de Maio, a Polícia Militar de Vilhena/RO registrou no final da manhã o homicídio que vitimou Sidnei Marcos da Silva Nogueira, vulgo “Nei”, 41 anos,  em uma residência localizada na rua Sergipe esquina com a avenida Rio Grande do Sul, no setor 19.

Conforme apurado, durante a noite do dia anterior, Sidnei estava em sua casa e ingerindo bebidas alcoólicas com o acusado Weverson Alves Gonçalves, de 28 anos de alcunha “Bin Laden” quando as partes acabaram tendo um desentendimento e entraram em vias de fato, contudo, logo após isto, Bin Laden foi embora, levando consigo a arma pertencente à vítima.

Já no final desta manhã, Weverson foi até a residência de Nei e pediu para que a amásia da vítima fosse buscar algo na casa de uma pessoa e ela assim o fez, momento em que o acusado sacou da arma de fogo e foi ao quarto onde Sidnei dormia, efetuando três disparos contra a cabeça e um quarto contra a mão direita da vítima, que foi morta no momento em que dormia.

Cientes dos fatos, policiais militares do turno da noite deram prosseguimento as buscas pelo acusado, o qual, desde o momento do crime estava foragido.

Já durante a noite, Bin Laden estava pelado e caminhando pelo bairro Bodanese, indo a um bar e relatando ter sido vítima de um assalto e que haviam levado tudo. Antes da polícia ser acionada, ele foi embora a pé, sentido ao bairro Cristo Rei.

Radiopatrulhas de Polícia Militar passaram a realizar buscas e vieram a encontrar o acusado  nas proximidades da faculdade FAMA, antigo IESA, no bairro Cristo Rei, pelado, usando como cueca um pedaço de sacola.

Questionado sobre os motivos de estar nu e sobre a autoria do assassinato, Bin Laden alegou que desfez-se de suas vestes ao se embrenhar na mata, logo após o homicídio, tendo ficado todo esse tempo escondido nas proximidades do igarapé Pires de Sá e que inclusive, jogou a arma usada no crime fora naquela localidade.

Weverson apresentava lesões e ao ser questionado, relatou ter sido agredido durante a noite por Nei e que foi justamente por este motivo que nesta data decidiu executar o desafeto, que anteriormente era seu amigo.

Moradores da região onde o acusado foi abordado deram ao mesmo uma bermuda para que este vestisse, sendo Bin Laden preso pelos militares.

Em primeiro momento, os policiais se deslocaram com o acusado até as margens do igarapé Pires de Sá onde este relatou ter se desfeito das vestes e da arma de fogo, contudo, nada foi localizado.

Após isto, Weverson foi conduzido e apresentado na Unidade Integrada de Segurança Pública (UNISP), ainda em situação de flagrante.

Agora, Bin Laden deverá prestar esclarecimentos ao delegado de Polícia Civil e ser recolhido ao presídio local para providências cabíveis.

Tony Rota/ Claudemir Sabino 

Rota Policial News 

Facebook Comentários

Google

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor nos ajude a manter o site no ar e desative seu Adblock. Agradecemos pela compreensão! :)