Policial

Três detentos e um agente penitenciário ficam feridos após princípio de rebelião no presídio de Cerejeiras

Feridos foram encaminhados para o Hospital São Lucas e não correm risco de morte

O princípio de rebelião foi registrado por volta das 20 horas da noite desta segunda-feira, 25 de Fevereiro, no presídio da cidade de Cerejeiras/RO.

A reportagem do jornal Rota Policial News entrou em contato com o Chefe Geral de Segurança do DPC, Eguinaldo Lannes, o qual informou que de fato, houve um princípio de rebelião na unidade e que para conter os apenados se fez necessário o emprego de disparos de advertência.

Durante a ação, três detentos ficaram feridos e um agente penitenciário sofreu cortes superficiais na mão, sendo que os quatro feridos foram encaminhados para o Hospital São Lucas, em Cerejeiras, onde recebem atendimentos médicos. Nenhum deles corre risco de morte e os ferimentos não são graves.

Eguinaldo informou ainda que a situação no local foi normalizada e que a comunicação do episódio será feita através de ocorrência policial na Delegacia de Polícia Civil. “Não há mais rebelião e os três detentos e nosso agente sofreram ferimentos leves,” relatou.

Veja o vídeo feito por populares, onde os barulhos de tiros foram ouvidos. Eguinaldo emitiu nota de esclarecimento sobre o episódio.

Nota de Esclarecimento
 
A Diretoria do Sistema Prisional de Cerejeiras, vem a público esclarecer que na noite desta segunda-feira, por volta das 20:00h, houve um tumulto em 2 celas e princípio de Rebelião nesta unidade.
 
Foram necessários disparos de advertência para o controle da situação, na oportunidade informamos que 3 detentos foram atingidos e estão no hospital São Lucas (fora de perigo) recebendo cuidados médicos e apenas 1 Agente Penitenciário teve ferimentos superficiais na mão.
 
Cordialmente.
 
Eguinaldo Lannes – Chefe Geral de Segurança do DPC

Carlos Mont Serrate/Claudemir Sabino

Rota Policial News

 

Facebook Comentários

Artigos Relacionados

Close