Geral

SEMMA realizará educação ambiental em escolas do município de Vilhena

Conscientização desde a infância colabora para um meio ambiente saudável no futuro

As secretarias municipais de Educação e Meio Ambiente estabeleceram parceiras para levar a educação ambiental aos colégios do município. A decisão aconteceu após a reunião entre os secretários na última semana.

De acordo com Rafael Maziero, advogado e secretário municipal de Meio Ambiente, o intuito é buscar a conscientização ambiental das crianças.

“Vamos orientar os pequenos quanto à separação do lixo estimular a reciclagem. São coisas simples que todos podemos fazer para contribuir com a cidade, né? Nós precisamos passar isso para as crianças, que serão adultos em breve já entendendo e respeitando a coleta seletiva, a destinação de resíduos orgânicos, compostagem, entre outros, diminuindo os prejuízos no Meio Ambiente”, destaca Rafael.

O professor e secretário municipal de Educação, Ronaldo Alevato, vê no projeto um incentivo à nova geração se engajar em tema de muita importância para a sociedade.

“A ideia é fazer a conscientização ambiental nas escolas que já fazíamos e que agora daremos nova amplitude, assim que as aulas puderem retornar. Diversas ações estão sendo planejadas para 2021”, aponta Ronaldo.

Thiago Baldine, assessor executivo da Semma, relata que este trabalho havia começado em 2019, mas, devido à pandemia da covid-19, teve de ser suspenso.

“Conseguimos passar a mensagem para um grande número de alunos em 2019. Foram cerca de 12 mil, em diversas escolas, porém, com a pandemia e a suspensão das aulas, ficou inviável no ano passado. Mesmo assim, jamais abandonamos a ideia”, conclui Thiago.

Além da educação ambiental, o projeto também vai instruir as crianças sobre os cuidados em encontros com animais silvestres, apresentando algumas espécies aos alunos, ensinando mais sobre a fauna local, buscando evitar os maus tratos e orientando como chamar os órgãos responsáveis para captura segura.

VIABILIZAÇÃO – A SEMMA estuda as maneiras adequadas de viabilizar o projeto. Com a pandemia ainda causando restrições sanitárias no município, as aulas só poderão ser retomadas neste ano com o aval das autoridades de Saúde.

Mantendo o distanciamento social, a SEMMA emma estuda que as apresentações possam acontecer via videochamada, até que os estudantes possam voltar às salas.

 

 

 

Fonte: Assessoria

Facebook Comentários

Google

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor nos ajude a manter o site no ar e desative seu Adblock. Agradecemos pela compreensão! :)