Policial

Homem é morto a golpes de marretadas após discussão por causa de rede para dormir

Autor dos golpes assumiu autoria do crime e foi levado para Cerejeiras

Foi preso na manhã desta segunda-feira, 29, e será interrogado na Polícia Civil de Cerejeiras, o agricultor Dirlenio Antônio Gonçalves Teixeira, de 43 anos.
Ele assumiu ter matado, horas antes, o trabalhador rural Ricardo Veiga, o “Dida”, 36 anos. O crime aconteceu no distrito de Vitória da União, pertencente a Corrumbiara.

De acordo com a versão do autor confesso do homicídio, que foi preso em flagrante, no momento em que a Polícia Militar chegava à casa onde, segundo testemunhas, estava o corpo, um desentendimento entre ele e a vítima teria levado ao desfecho fatal.


Conforme Dirlenio, por volta da meia noite de ontem, Dida chegou em sua casa querendo dormir em sua rede. O dono do imóvel não permitiu e, diante da insistência do outro, deu “umas porradas” e, em seguida, o matou a golpes de marreta.

O delegado que investiga o caso disse que a moto da vítima foi encontrada na casa onde aconteceu o crime. O homem morto sofreu afundamento de crânio em virtude dos golpes desferidos com o pesado instrumento, que foi recolhido pela polícia.

Fonte: Rota Policial News / Folha do Sul Online

Facebook Comentários
Google

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar