Policial

Adolescente chama policiais de “vermes” e depois pede “pelo amor de Deus” para não ser detido em Vilhena

Condutor da moto, que estava sem CNH, acabou preso por manobras arriscadas

Na noite de segunda-feira, 06 de Janeiro, ao perceber que uma motocicleta andava em alta velocidade e fazendo manobras arriscadas na avenida Jô Sato (BR 174), em Vilhena, uma viatura da Polícia Militar começou a fazer o acompanhamento do veículo.

Ao serem parados, os dois rapazes que estavam na moto (um de 23 anos e um adolescente de 17) foram questionados sobre o motivo de tanta pressa.

O condutor admitiu que não tinha habilitação e a documentação do veículo estava atrasada.

Já o menor de idade, que estava na garupa da moto, ao responder a pergunta, disse que “os vermes dos PMs” o haviam prendido por tráfico de drogas, que o mais velho o havia apanhado na Unisp, e ele estava sendo levado para casa.

Ao perceber que havia cometido desacato contra os policiais militares, o garoto pediu perdão e suplicou “pelo amor de Deus”, mas acabou apreendido.

O companheiro que lhe dava carona foi preso pelas infrações de trânsito.

Fonte: Folha do Sul

Facebook Comentários
Google

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar