Trânsito

Mais um nas infrações de trânsito: radialista é pego com carro estacionado sob faixa de pedestre em Vilhena

Radialista é acostumado a falar mal da polícia e dizer que segue a risca todas as Leis, mas, não foi o que ocorreu hoje

O radialista Alexandre Lima com certeza passa a imagem de uma das fíguras mais moralistas da cidade, acostumado a dizer que “mora nessa caceta a mais de 40 anos”.No entanto, no início da tarde desta sexta-feira, 27 de Dezembro, pisou feio na bola. Estacionou seu possante Fiat Toro sob a faixa de pedestres na avenida Presidente Nasser, próximo a um restaurante.

Alexandre Lima já chegou a criticar este ano a atuação do comando da Polícia Militar e do Policiamento de Trânsito da cidade, que em sua opinião pouco fazia, e que fica mais sentada no ar condicionado do quartel do que na rua. Porém, dessa vez o radialista não demonstrou um bom exemplo, para quem é extremamente questionador dos serviços públicos da cidade.

Recentemente, em grupos de redes sociais foi divulgado que o atual prefeito Eduardo Japonês entrou com dezenas de ações por possíveis injúrias e calúnias ditas por Alexandre durante seu programa na Rádio Comunitária Positiva FM. O radialista estaria sendo questionado não por falar ou questionar os atos do prefeito e outros entes públicos, mas sim, pelo tom injurioso e ofensas diretas às pessoas dos entes públicos. Outros servidores públicos da cidade também estariam com mais ações sendo impetradas na Justiça em desfavor do  “radialista moralista”.

Contudo, pelo ato desrespeitoso, de estacionar na faixa de pedestre, o radialista escapou de mexer no bolso, pois a infração poderia lhe render uma multa de R$ 195,23 e mais cinco pontos em sua CNH. Nenhuma viatura do Policiamento de Trânsito passou pelo local enquanto o carro do radialista estava estacionado sob a faixa.

As imagens causaram dezenas de comentários negativos ao radialista nas redes sociais do WhatsApp. Ele que apesar de moralista, não cumpre se quer as Leis do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e insulta pessoas em seus programas. Lembramos ao caro amigo radialista, que para cobrar-se moral, devemos no mínimo, cumprir com as determinações impostas nas Leis vigentes em nosso país.

Redação

Rota Policial News

Facebook Comentários

Artigos Relacionados

Fechar