Geral

Em Vilhena, 468 casos de Dengue foram registrados em apenas 03 meses

Enquanto Prefeitura se preocupa com a Covid-19, casos de Dengue explodem na cidade e mortes podem ser registradas

Vilhena tem 468 casos confirmados de dengue só nestes três primeiros meses de 2020, mas o número pode ser maior, já que uma grande parcela dos infectados não procura assistência médica, ou vai até a médicos particulares, que não notificam a doença à rede pública.

Durante todo o ano de 2019 apenas 11 casos de dengue foram confirmados, e nos três primeiros meses de 2019, houveram apenas 04 casos confirmados.

Número que também parece sub-notificado, mas ao se comparar com a média nacional em 2019, estaria dentro dos padrões do ano passado.

A importância de procurar um médico, diante dos sintomas da dengue, vai além da própria saúde. O caso sendo notificado na prefeitura, o setor de saúde consegue concentrar o combate nos focos da doenças na cidade.

A Secretaria de Saúde tem realizado nas últimas duas semanas nebulização em vários bairros da cidade, mas o que é essencial, é a conscientização da população para acabar com os criadouros do mosquito Aedes aegypti, que transmite o vírus da doença.

 

NÚMEROS SUB-NOTIFICADOS 

Várias pessoas reclamam que ao fazerem exames em laboratórios particulares, elas mesmo precisam procurar o setor de epidemiologia para registrar o caso, o que geralmente não acontece.

O que gera uma sub-notificações de casos, era necessário que os laboratórios fossem obrigados a fazer as notificações.

Um exame de sangue no particular custa em torno R$ 20,00 e o exame específico para dengue a média de R$ 45,00.

A importância de procurar um médico diante dos sintomas da dengue é justamente para ajudar a prefeitura e seu setor de endemias a concentrar o combate nos focos da doenças na cidade.

De acordo com alguns agentes de saúde, entrevistados pelo jornal Vilhena Notícias, este ano os bairros 5º BEC, Jardim Eldorado e Centro tem registrado o maior número de moradores com dengue. Há relatos que os setores 12 e o Orleans também tem registrado vários casos de dengue.

Fonte: Vilhena Notícias

 

Facebook Comentários

Google

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor nos ajude a manter o site no ar e desative seu Adblock. Agradecemos pela compreensão! :)