Policial

Deus mandou? Incendiário da casa da própria mãe disse que foi ordem divina

Decomposto, o jovem foi preso dentro de uma igreja após o crime. Não houve tempo de salvar a residência do poder do fogo

Um homem identificado a princípio apenas por “Tonho” incendiou a casa da própria mãe, no bairro Boa Esperança, entre a T-23 e T-24, em Ji-Paraná (RO), Região Central.

De acordo com as autoridades, Tonho estaria transtornado e após incendiar a casa da mãe, correu para uma igreja aonde foi preso. Ele teria dito que foi Deus quem mandou que colocasse fogo. “Foi Deus que mandou! Foi ordem divina”, exclamou!

Vizinhos gravaram vídeos e divulgaram em redes sociais e chamaram o Corpo de Bombeiros, que fez o rescaldo. Não houve como salvar móveis, utensílios, objetos e documentos pessoais.

Quem morava na casa perdeu tudo. “Agora, são apenas cinzas”, disse uma pessoa que chorava muito.

Posteriormente ao ser preso, o homem foi identificado como Marcos Antônio Alves de Barro, que tem 29 anos.

Ele seria usuário de drogas e vem sofrendo muitas alucinações. Ao ser preso não resistiu a ordem dos agentes da lei e admitiu o crime.

Fonte: Mix Rondônia

Facebook Comentários

Artigos Relacionados

Fechar