Policial

Carros roubados são recuperados em três cidades diferentes da Bolívia

Ação policial foi realizada pela polícia de Rondônia. Carros recuperados são de Porto Velho, Manaus e Rio Branco.

Três carros foram recuperados em três cidades diferentes da Bolívia pelo Núcleo Integrado de Inteligência de Fronteira (NIIF) de Rondônia.

Um dos veículos pertence a um morador de Porto Velho, outro a um morador de Manaus e o terceiro é de um coronel aposentado do Corpo de Bombeiros de Rio Branco.

A ação policial foi realizada por policiais de Rondônia com apoio da boliviana. Os veículos foram transportados por meio de balsa pelo rio Mamoré.

Os roubos

Ao jornal, a polícia explicou que um dos carros foi roubado na última quinta-feira (8), em Porto Velho. O NIIF fez buscas e encontrou informações de que o veículo havia sido levado para Guayaramerin, cidade fronteiriça entre Brasil e Bolívia.

Os policiais conseguiram localizar o veículo e a División de Robo de Vehículos de Guayaramerin (DIPROVE) se deslocou até o endereço apurado e recuperaram o veículo.

O outro carro foi roubado em Manaus há uma semana. Após a diligência, o veículo foi encontrado em Trinidad, que fica a mais de 12h de viagem da cidade de fronteira boliviana. Em parceria com a polícia boliviana, o NIIF conseguiu apreender o veículo no domingo (11) e levá-lo para Guayramerin.

O último carro foi roubado em Rio Branco. O dono do veículo é um coronel do Corpo de Bombeiro aposentado. A polícia relatou que no dia do roubo, a filha do aposentado ficou em cárcere privado no momento do crime, sob a promessa de liberdade após o carro ser cruzado para Bolívia.

“A esposa do coronel está fazendo tratamento de saúde devido a filha ter ficado sequestrada, deu depressão e o marido teve que levar ela para fazer tratamento em outra cidade, por isso que ele não veio ainda para Guajará-Mirim buscar o carro”, disse a polícia.

Fonte: G1

Google

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao topo

Você não pode copiar o conteúdo desta página

Adblock detectado

Por favor nos ajude a manter o site no ar e desative seu Adblock. Agradecemos pela compreensão! :)