Geral

CANCELADO – VÍDEO: IFRO não consegue contato com banca organizadora do concurso

Banca Inaz do Pará também adiou concurso em Brasília, no último domingo, com mais 70 mil inscritos

O concurso público para provimentos de vagas no Instituto Federal de Rondônia(IFRO), que era para ter acontecido no último domingo(16) e foi cancelado, deixando os mais de 4 mil candidatos que concorriam a 17 vagas, continua rendendo preocupação e desconfiança quanto a lisura do certame.

 

A Assessoria de Comunicação do IFRO, informou que a banca que estava organizando o concurso era a Inaz do Pará e que desde quando a empresa divulgou, no sábado(15) à tarde, através de nota no site, de que o certamente seria cancelado, o instituto não tem conseguido mais qualquer contato com os diretores dela. O IFRO também divulgou uma nota no final de semana sobre o ocorrido.

 

“Ainda na sexta-feira, nos comunicaram que estava tudo ok e que o pessoal da Inaz do Pará, estava vindo para Porto Velho para aplicar as provas. Inclusive, no sábado, de manhã, fizemos os treinamentos com o pessoal de apoio, como os fiscais. Desde então, não respondem ao nossos telefonemas, nem aos e-mails”, relataram.

 

Segundo a assessoria do IFRO, a empresa já foi notificada através de e-mail e esta tem cinco dias para se manifestar. Um processo administrativo já foi iniciado por parte do instituto e o próximo passo será começar um processo jurídico.

 

Nos grupos de redes sociais de participantes do concurso, são grandes a desconfiança quanto a transparência do certame. Muitos questionam os prejuízos que tiveram para participarem da disputa, pois além da taxa de inscrição, pagaram pelo deslocamento até as cidades onde ocorreriam as provas.

Outro cancelamento

A banca Inaz do Pará, também estava responsável pela realização, no último domingo(16), do concurso da Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), que foi cancelado sem qualquer explicação aos candidatos e a Novacap. Nesse certame, estavam inscritos cerca de 76 mil pessoas, que disputavam 96 vagas. A Novacap informou em nota que irá adotar todas as medidas e penalidades cabíveis contra a INAZ do Pará.

Fonte: Rondoniaovivo

Facebook Comentários

Google

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor nos ajude a manter o site no ar e desative seu Adblock. Agradecemos pela compreensão! :)